home > ingredientes > abobrinha

Abobrinha

Sobre a abobrinha

Provamos que falar de abobrinha pode ser uma coisa muito boa! Afinal, esse vegetal que pertence à família das cucurbitáceas (como a melancia, o melão, e o pepino) é versátil, saboroso e saudável.

Em solos brasileiros, é mais comum encontrar dois tipos de abobrinha: a paulista, de cor verde mais intensa; e a italiana, mais clara e delgada. As duas variedades possuem sabor adocicado e textura macia, além de uma composição nutricional bem semelhante e cheia de pontos positivos.

Quais os benefícios da abobrinha?

Benefício não, benefícios: esse ingrediente dá show na cozinha sendo um coringa na hora de criar refeições equilibradas e que contribuem muito para manter o corpo cheio de saúde.

Facilita a digestão: Para quem sofre de gastrite ou má digestão, a abobrinha pode ser uma poderosa aliada, por ser um alimento que tem pouco carboidrato e é muito baixo em gorduras.

Poucas calorias: Já ouviu falar em consumir abobrinha para emagrecer? O fato é que o alimento tem poucas calorias e é rico em água – facilitando o controle da fome e favorecendo a perda de peso saudável. Ou seja, é uma ótima pedida para uma alimentação mais colorida, saborosa e variada.

Ossos e dentes mais saudáveis: O cálcio, potássio e fósforo presentes nessa vegetal ajudam a formar e manter a saúde dos ossos e dos dentes.

Propriedades antioxidantes: Em sua composição encontramos substâncias como vitamina C e o caroteno, que contribuem para a prevenção de alguns tipos de câncer.

Para que serve a casca da abobrinha?

Em muitos alimentos, consumir a casca é a melhor forma de aproveitar ao máximo todos os seus nutrientes. Esse é o caso da abobrinha: comê-la com casca garante uma maior ingestão de fibras, o que facilita o funcionamento do intestino, combatendo desconfortos como a prisão de ventre.

Tem que tirar o miolo da abobrinha?

Muita gente gosta de tirar o miolo da abobrinha, porque geralmente solta água, o que pode não ser muito legal para algumas receitas.

Mas do ponto de vista nutritivo, dá pra comer tudinho, incluindo as sementes. Caso você vá preparar um prato, como por exemplo, abobrinha ao forno, a dica é optar pelas abobrinhas menores e mais finas. – que têm menos miolo e sementinhas.

Quais os tipos de abobrinha?

Independente da variedade, as características da abobrinha são semelhantes: muitos nutrientes, poucas calorias e sabor suave. Mas existem sim diferenças, e a seguir você vai entender melhor sobre cada uma delas:

Abobrinha italiana

Tem formato mais alongado, casca verde clara com listra verde escuras. É super fácil de achar, e é uma delícia tanto em refogados como em receitas ao forno.

Abobrinha menina brasileira

A diferença entre abobrinha italiana e brasileira basicamente está na aparência, sendo essa versão mais arredondada e de um verde mais intenso. Combina bem para refogados e lasanha.

Abobrinha paulista

Na verdade, ela nada mais é do que a abobrinha menina brasileira colhida precocemente, sendo mais sequinha e com listras mais claras. É ótima para fazer refogados e espaguete.

Abobrinha amarela

Além da coloração diferente, essa variedade se destaca pela casca brilhante e o sabor, que é mais delicado do que nas demais abobrinhas. Fica uma delícia ao forno, refogada e também para fazer chips.

5 receitas com abobrinha

Por ter um gosto muito suave, ela combina com um montão de pratos incríveis, desde sopa à salada ou como acompanhamento de pratos de carne ou peixes, por exemplo. Tá bom, ou quer mais? Dá pra fugir do óbvio preparando abobrinha com ovo, macarrão com abobrinha e até abobrinha com carne moída. E no tempero também não há tempo ruim: combina com manjericão, coentro, hortelã e uma infinidade de especiais.

Veja 5 formas diferentes de como fazer abobrinha para variar sua rotina:

Abobrinha refogada: fica uma delícia refogá-la na manteiga, com tomate ou cenoura, e o suco de um limão. A receita é bem simples, e você ainda pode acrescentar outros vegetais, proteínas ou especiarias para deixar essa receita com a sua cara.

Antepasto de abobrinha: é a pedida perfeita para um petisco fit, saudável e bem fácil de preparar. Vai que é uma beleza com torradas, pães e biscoitinhos.

Espaguete de abobrinha: deixe suas refeições mais leves com esse espaguete vegetal que já vem prontinho. É só casar com molho de tomate caseiro e se deliciar!

Abobrinha com ovo: esses dois alimentos refogadinhos viram uma dupla e tanto. É leve, saudável e fica pronto em poucos minutos, garantindo proteínas e outros nutrientes como o cálcio e fósforo.

Quiche de abobrinha: a combinação perfeita entre o sabor delicado da abobrinha e a cremosidade do queijo. Temperadinha na medida certa, essa pode ser a pedida perfeita para um lanche ou até como refeição principal.

E pra deixar qualquer receita ainda mais especial, tem abobrinha orgânica no nosso mercado online, viu? É tudo de sabor e saúde, além de fazer bem para o meio ambiente e pra quem produz.



O que é que a abobrinha tem?


Ajuda na boa digestão

Contribui para saúde do coração

Fortalece os ossos


Porção de 100g Total VD*
valor energético 19,3 kcal 1,0 %
carboidratos 4,3 g 1,4 %
proteínas 1,1 g 1,5 %
gorduras totais 0,1 g 0,3 %
gorduras saturada 0,1 g 0,6 %
gorduras trans 0,0 g ** %
fibra alimentar 1,4 g 5,4 %
sódio 0,0 mg 0,0 %

Valores diários de referência com base em uma dieta de 2000 kcal ou 8400J. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas. (**) VD não estabelecido. (***) Informação Não Disponível no momento



Não deixe de provar!









Quer saber um pouco mais sobre nossos fornecedores de abobrinha?


Adriano
Sítio Paraíso


O Adriano já trabalha conosco há bastante tempo! Teve, inclusive, a oportunidade de participar da entrevista na TV Terra Viva contando um pouquinha da produção de orgânicos no Brasil. Apesar da família sempre ter trabalhado com agricultura, ele se aventurou por alguns anos no meio da logística, mas depois decidiu voltar ao campo junto ao seu pai para produzir orgânicos. Hoje, o Adriano produz cerca de 20 a 30 culturas diferentes, entre folhas, legumes e verduras. Só entre julho e dezembro de 2019, forneceu 11.655kg de orgânicos para a Liv Up.


Produtos:

Salsinha, cebolinha, cenoura, abobrinha italiana, alho-poró, hortelã, beterraba, berinjela, manjericão

Gentil e Régis Couto
Sítio Santa Cruz


A dupla de pai e filho, Gentil e Régis Couto, produz no manejo orgânico desde 2020. Eles começaram esse trabalho produzindo alface, escarola, beterraba, rúcula, temperos e alguns pés de banana. Com o passar do tempo, migraram para o plantio de mandioquinha, batata inglesa, cenoura e abobrinha. Só entre julho e dezembro de 2019, forneceram 9.855kg de ingredientes para a Liv Up.


Produtos:

Batata inglesa, mandioquinha, abobrinha italiana

Ramon
Sítio Canaã


Em 2001, a família de Ramon ingressou na produção agrícola, mas foi só em 2016 que ele conseguiu mudar a produção de convencional para orgânica com a ajuda de seu pai. A motivação era manejar a terra de uma maneira mais consciente e saudável. Atualmente, produzem tanto em estufas quanto em campo aberto e pretende aumentar o volume de produtos criando novas áreas de plantio, sempre com foco no manejo biológico, práticas de rotação de culturas e adubação verde. O Ramon é um parceiro desde julho de 2019 e, até dezembro, já tinha fornecido 3.969kg de orgânicos para a Liv Up!


Produtos:

Abóbora japonesa, tomate italiano molho, tomate grape, abobrinha italiana, pimentão amarelo

José Roberto e Michele
Sítio da Michele


Apesar de ter trabalhado com o cultivo convencional, entre 2014 e 2015, José decidiu converter a produção para o manejo orgânico. Em 2017, foi o primeiro produtor a firmar a parceria com a gente no modelo de plantio dedicado: plantar, colher e vender já sabendo da nossa demanda. ;) Já Michele sempre plantou de maneira orgânica no sítio de sua família, uma vez que consome seus próprios produtos para alimentar os filhos! Hoje em dia, José e Michele trabalham juntos no sítio dela. Essa dupla produziu 392kg de ingredientes para a Liv Up entre julho e dezembro de 2019.


Produtos:

Salsinha, cebolinha, manjericão, hortelã